terça 17 janeiro 2017
Escola Secundária de Latino Coelho
Escola Básica de Lamego (Escola E.B. 2,3 de Lamego)
Escola Básica N.º 1 de Lamego (Centro Escolar de Lamego)
Escola Básica de Penude (Centro Escolar de Lamego-Sul, Penude)
Escola Básica de Cambres
map-shadow
AS NOSSAS COLEÇÕES 14-01-2017
As nossas coleções assinalam acontecimentos...
O INSÓLITO NA LATINO COELHO 14-01-2017
Há todo um património ligado à Escola...
DESIGNAÇÕES E CATEGORIAS ATRIBUÍDAS AO LICEU 13-01-2017
Armando Rica, na sua obra O Nascimento de um...
A LIÇÃO INAUGURAL DO LICEU DE LAMEGO 12-01-2017
A primeira aula no atual edifício da Escola...
"XXVII CORRIDA PARA A SAÚDE" - CORTA-MATO ESCOLAR 11-01-2017
No passado dia 10 de janeiro, pela manhã,...
DESCRIÇÃO DO NOVO EDIFÍCIO DO LICEU - ATUAIS INSTALAÇÕES 11-01-2017
«O liceu novo é uma casa sólida, elegante,...
RESPOSTA DOS ARQUITETOS PARA ELABORAR O PROJETO 10-01-2017
Em 10 de Outubro de 1930, o júri atribui o...
INAUGURAÇÃO DO ATUAL EDIFÍCIO - 8 DE NOVEMBRO 1937 09-01-2017
Foi a 8 de novembro de 1937 que decorreu a...

AS NOSSAS COLEÇÕES

80 anos 6

As nossas coleções assinalam acontecimentos históricos e académicos da Escola Secundária de Latino Coelho e referências culturais de âmbito nacional.
Peças de arte e utilitários compõem as nossas coleções.
Inspirados em Bordalo Pinheiro, os alunos do curso de Artes Visuais conceberam as coleções " Andorinhas de Portugal", "A sardinha veste-se de Douro." e "Galo trajado".
Apoiados no conceito "O selo é um mensageiro privilegiado do património natural e cultural de um povo", surgiram os selos postais comemorativos dos 135.º e 136.º aniversários da Escola Secundária de Latino Coelho, edições limitadas e disponíveis para venda.
Assumem-se as medalhas, os álbuns fotográficos, os marcadores de leitura, as pagelas comemorativas...como marcos da História e histórias da escola.
> Para aceder às nossas coleções clique aqui.

O INSÓLITO NA LATINO COELHO

80 anos 6

Há todo um património ligado à Escola Secundária de Latino Coelho e que não se circunscreve às suas sólidas paredes. Dão-lhe alma alguns episódios insólitos.

Tentativa de fraude em exame
Recordemos a capacidade inventiva dos três irmãos naturais de Soutelo do Douro – S. João da Pesqueira, que, em 1963, através de um inovador modelo de comunicação, tentavam a aprovação com distinção nas provas de exame.
O irmão mais novo, durante a prestação da prova de exame de Matemática de 5º ano, foi apanhado a transmitir para o exterior para o seu outro irmão, mais conhecedor da matéria, por meio de um aparelho transmissor-recetor. Na verdade, o talentoso examinando havia instalado o microfone junto ao relógio de pulso e o sistema de receção no ouvido disfarçado por um penso cirúrgico que supostamente seria para proteger um suposto furúnculo.
Tudo teria corrido bem não fosse um radioamador lamecense sintonizar a comunicação dos nossos protagonistas na mesma frequência e ir, de imediato, comunicar o caso insólito ao Senhor Reitor de então, Dr. Manuel Luís da Rocha Silveiro.
No momento, se lavrou o auto do ocorrido, o facto foi comunicado ao Ministério Público e às autoridades competentes, e os exames dos alunos que intervieram na fraude foram anulados. Por despacho de Sua Excelência, o Ministro de Educação Nacional, o examinando de Matemática de 5º ano continuou com o seu exame anulado; os dois irmãos mais velhos admitidos a exame sem multa, contudo incorreram em responsabilidade disciplinar, punida com suspensão.

Roubo do perú
Vamos, de seguida, fazer alusão ao caso do "roubo do peru", transcrevendo um excerto da obra O Bando do Liceu, da autoria de Alexandre de Castro.
«Sem anúncio prévio, e escrita por mão anónima, a coberto da noite, como compete aos procedimentos das actividades clandestinas, a insólita notícia ali estava indecorosamente exposta, em gigantesca pichagem, a todo o comprimento do muro da frontaria do liceu: DÃO-SE ALVÍSSARAS A QUEM ENCONTRAR O PERU.
A cidade agitou-se numa efervescente e miudinha curiosidade. Nas repartições públicas, nas lojas, nos cafés e até no mercado comentava-se a novidade, quando alguém, mais curioso, pedia pormenores circunstanciados, a resposta era invariavelmente a mesma, não sei, parece que roubaram um peru ao reitor do liceu.
No café Maia, em pleno Rossio, na larga e grossa vidraça, alguém teve a ousadia de colar uma fotografia ampliada de um peru, rematada com uma provocatória legenda ENFIM, SOU LIVRE, expressão dúbia que levantou legitimas suspeitas à polícia política, ali logo postada em tom inquiridor, alertada que foi por um qualquer infiltrado informador, conhecedor das conversas sussurradas naquele cóio de opositores ao regime, onde predominavam velhos republicanos e anarquistas do reviralho, sendo que esta ousadia ia ficando cara ao pachorrento Sr. Maia, que se descartava de qualquer responsabilidade, jurando a pés juntos não ter reparado naquele papel que até tinha sido colocado ao vidro pela lado de fora.
Também Mestre Nicolau, engraxador – cauteleiro de profissão, mas com credenciais na rima métrica, e que fazia pouso na Praça do Comércio, não perdeu a oportunidade de exercitar a sua verve, escrevendo apropriadas quadras populares que foi vendendo aos clientes por dois escudos e cinquenta centavos, e que aqui se transcrevem com a devida vénia:

                                            Alguém roubou um perú
                                            Que trazia o papo cheio
                                            Aquele que lhe comeu a carne
                                            Também lhe comeu o recheio...

                                            Dão-se alvíssaras, dão-se prémios
                                            A quem encontrar o ladrão
                                            O reitor está à espera
                                            E agradece a atenção...

                                           O reitor anda triste
                                           Com o assalto à capoeira
                                           Ele ficou sem o perú
                                           E o ladrão com a barriga cheia...

DESIGNAÇÕES E CATEGORIAS ATRIBUÍDAS AO LICEU

80 anos 6

Armando Rica, na sua obra O Nascimento de um Liceu - Liceu de Lamego – 135 anos, aborda a questão das designações atribuídas ao Liceu como a seguir se transcreve:
"Ao longo do tempo, por força de algumas reformas ou decretos, foram atribuídas diversas designações e categorias ao Liceu, verificando-se por exemplo que só num espaço de tempo de 9 anos, entre 1919 e 1928, conheceu diferentes denominações e classificações.
Até 1919, o Liceu era conhecido por Liceu de Lamego.
Recebeu o nome de Liceu Latino Coelho, por decreto nº 5096, publicado no "Diário do Governo" nº 8, de 13 de Janeiro de 1919, em homenagem ao grande escritor.
O Liceu de Lamego foi elevado a Central por decreto publicado no "Diário do Governo", em 17 de Janeiro de 1920.
Foi classificado de Nacional por decreto publicado em 13 e 21 de Maio de 1924.
Novamente volta a Central, por decreto, em 16 de Outubro de 1926 (Reforma de Ricardo Jorge que atribui a mesma categoria a todos os liceus).
Pelo decreto de 11 de Setembro de 1928, passa, outra vez, à categoria de Nacional.
Com a reforma de 1936, de Carneiro Pacheco, fica a chamar-se Liceu Provincial de Latino Coelho."
Já se designou "Escola Secundária de Almacave", posteriormente, "Escola Secundária com 3º Ciclo de Latino Coelho" e, atualmente,  "Escola Secundária de Latino Coelho – Lamego".
Atualmente, é a escola-sede do Agrupamento de Escolas Latino Coelho, Lamego, criado em 28 de junho 2012 por despacho de Sua Excelência, o Senhor Secretário de Estado do Ensino e Administração Escolar, Dr. João Casanova de Almeida.

Pág. 1 de 51

  logos2

Agenda

GALERIA DE ARTES "METAPHORA"

exp Prein
Exposição "Quebram-se os Preconceitos"
Decorre até 09 de junho de 2016.

LIGAÇÕES ÚTEIS

latinotv APEE AFNORTE erasmus
giae moodle face keyschool

OFFICE2

CONTACTOS

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS LATINO COELHO, LAMEGO
Escola-sede: Escola Secundária de Latino Coelho
Avenida das Acácias 
5100-070 LAMEGO
tel. (+351) 254 612 023  fax. (+351) 254 655 323
url: www.aelc-lamego.pt
fb: www.facebook.com/aelc.lamego
e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.     Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  

n logos 2

Newsletter




Joomla Extensions powered by Joobi

Autenticação